11 maneiras de construir seu melhor treino cardiovascular

11 maneiras de construir seu melhor treino cardiovascular

Voltar para a academia depois de um longo verão, férias, férias ou uma pausa completa dos exercícios pode ser uma tarefa assustadora. Então, o que o cara comum faz? Suba na esteira, fique entediado depois de 5 minutos, fique sem fôlego depois de 10 e desista depois de 15. Sem progresso - apenas dores nas articulações, frustração e um ódio contínuo por qualquer coisa relacionada ao cardio.

Mas estamos aqui para lhe dizer: não precisa ser assim.

Praticar exercícios aeróbicos traz benefícios claros para a vida cotidiana. Infelizmente, porém, muitas pessoas não sabem o que constitui um cardio eficaz para ganhos musculares e melhor condicionamento físico. Uma hora no elíptico, uma caminhada em uma esteira superinclinada ou uma corrida de 16 quilômetros em sua vizinhança não vão levar você lá.

Em vez disso, uma rotina de cardio bem-sucedida envolve alguns elementos-chave. Atenha-se a esses princípios e dicas para levar seu condicionamento físico a novos patamares.

1. Planeje seu treino com antecedência

Saiba exatamente o que você é antes de pisar na esteira, pista ou rua.

2. Seja estratégico com o tempo

Se você sempre acaba pulando no seu cardio, faça-o quando chegar à academia ou nos dias de folga. Não é necessariamente quando você faz isso - apenas não pule.

3. Concentre-se na tarefa em mãos

Se você tem uma revista ou um livro que pensou em pôr em dia enquanto fazia exercícios, pare. Ninguém nunca fica em forma enquanto lê e faz exercícios aeróbicos. Você só pode se concentrar em uma coisa de cada vez, então faça disso seu treino.

4. Conclua um aquecimento completo

Fazer um aquecimento dinâmico aumentará a mobilidade, diminuirá sua chance de lesões e preparará os sistemas do seu corpo para a tarefa em mãos. Pule isso e você vai se machucar.

5. Evite cardio em estado estacionário

A menos que você esteja treinando para uma corrida de longa distância, evite manter o mesmo ritmo por um longo período de tempo. Os vários graus de intensidade - freqüentemente chamados de HIIT, para treinamento intervalado de alta intensidade - aumentarão seu metabolismo melhor do que o trabalho estável.

6. Trabalho em sprints

Incorpore sprints em sua corrida normal ou como sua própria sessão de treino. Acelera o metabolismo e pode ajudar a construir músculos nas pernas.

7. Misture exercícios de peso corporal

Experimente misturar exercícios de peso corporal entre as corridas. Isso interromperá uma sessão enfadonha e adicionará um componente de fortalecimento ao seu treino.

8. Lute contra a vontade de parar

Ignore aquela voz em sua cabeça que lhe diz para ir mais devagar, fazer uma pausa ou simplesmente parar de vez. O preparo físico é uma disciplina. Aprenda a abraçar o trabalho.

9. Na verdade, esfrie

Traga sua freqüência cardíaca de volta para baixo. Isso irá melhorar seu processo de recuperação e diminuir progressivamente o corpo após uma sessão intensa.

10. Acompanhe suas rotinas e PRs

Você mantém um registro de treino de quanto peso você levanta, certo? Acompanhe o quão longe você foi e o tempo que usou para chegar lá. Os números não mentem. Documentar seu progresso o manterá em sintonia com o que funciona e o que não funciona.

11. Torne-se consistente

Uma ótima sessão de cardio nunca levou ninguém a lugar nenhum. Um mês de ótimas sessões de cardio. Entre em uma rotina e siga-a. Desenvolva um processo de aquecimento ao resfriamento.

Para ter acesso a vídeos de equipamentos exclusivos, entrevistas com celebridades e muito mais, inscreva-se no YouTube!



maneiras diferentes de dizer mano