3 maneiras de melhorar seu pushup

3 maneiras de melhorar seu pushup

Flexões são um ótimo treino para a parte superior do corpo, elogiado por sua capacidade de desenvolver um tórax forte e musculoso, ombros em formato de bala de canhão e braços dignos de reconhecimento. No entanto, existem muitas outras coisas que as flexões fazem pelo corpo, e ficar para trás em uma área pode tornar as flexões ineficazes, levando à decepção e, em casos mais graves, a lesões. Da próxima vez que você for fazer flexões, mantenha essas questões em mente.

A QUESTÃO: Núcleo Fraco

O CONSERTO

Prancha

Exercícios como a prancha melhoram a resistência do núcleo, o que é crítico para a estabilidade durante uma flexão. A capacidade de manter aquela posição clássica de flexão está diretamente relacionada a quanto tempo você consegue segurar uma prancha e é um indicador da força geral do núcleo. Um núcleo fraco pode causar uma flacidez na região lombar que altera o ângulo das articulações dos ombros e a forma como os músculos estão sendo trabalhados. Mudar este ângulo ou posicionamento pode levar a lesões graves e resultados reduzidos. Trabalhe as pranchas em sua rotina, 1-2 dias por semana, para 3-4 séries de apoios máximos.

Treino de peso corporal: variações de prancha de seis unidades >>>

O PROBLEMA: Quads Fracos

O CONSERTO

Agachamentos

Sim, acredite ou não, os quadríceps afetam suas flexões. Se você tem quadríceps fracos, é difícil manter os joelhos na posição totalmente estendida que uma flexão exige. A incapacidade de fazer isso fará com que os joelhos travem totalmente, o que é ótimo para o final de um agachamento. Manter os joelhos totalmente estendidos leva a duas coisas: diminuição do fluxo sanguíneo para os músculos que precisam (o sangue fica nas pernas) levando à diminuição da ativação muscular e, portanto, resultados menores; e quadris elevados e inclinados posteriormente, levando ao arredondamento da região lombar e possível lesão do disco. Certifique-se de trabalhar o agachamento em sua rotina de 1-2 dias por semana para 3-5 séries de 8-10 repetições.

Sete razões para nunca negligenciar agachamentos >>>

O PROBLEMA: Colocação incorreta das mãos

O CONSERTO

Prática

Felizmente, esta é uma solução fácil. Comece apoiando-se nas mãos e nos joelhos e certifique-se de que as mãos estejam diretamente sob os ombros. Jogue as pernas para trás, coloque-se em uma posição de flexão e segure - suas mãos ainda devem estar sob os ombros. É um bom começo, mas há uma parte extra que pode ser um conceito difícil de entender. Imagine que suas mãos estão em cima de uma grande pilha de areia ou arroz e tente agarrar o chão. Isso ativará todos os músculos do antebraço e da mão, aumentando sua capacidade de se levantar. Uma boa maneira de se preparar para isso é enrolar um elástico em volta dos dedos e empurrá-los o mais longe possível um do outro, segurando por um segundo e depois voltando ao início.

Relacionado:

Forma e postura de exercício adequadas >>>

Faça mais pull up >>>

Para ter acesso a vídeos de equipamentos exclusivos, entrevistas com celebridades e muito mais, inscreva-se no YouTube!