6 suplementos que você não deve pular

6 suplementos que você não deve pular

Digamos que você queira perder um pouco de gordura e ganhar alguns músculos. Você já tem uma dieta saudável, uma rotina de cardio constante e alguns treinamentos de musculação confiáveis, então você vai até a loja de nutrição para comprar alguns novos suplementos - apenas para ser interrompido por corredores e corredores de impronunciáveis banheiras cheias de sabe-se lá o quê. Como um cara sabe por onde começar?

Não se preocupe: aqui estão seis suplementos apoiados por pesquisas que você deve considerar fortemente em sua busca para atingir níveis máximos de saúde e condicionamento físico.

1. Aminoácidos de cadeia ramificada (BCAAs)

Você sente fadiga e dor muscular pós-treino, mas não vê os resultados de perda de gordura que esperava? Em caso afirmativo, considere tomar BCAAs. Pessoas que tomaram BCAAs antes e depois do exercício tiveram uma redução significativa na dor muscular, de acordo com um estudo da Universidade de Birmingham estudar . Além disso, um Estudo brasileiro descobriram que a suplementação de BCAA ajudou a reduzir a fadiga e queimar mais gordura em participantes com depleção de glicogênio.

2. Creatina

Quer construir força e massa muscular magra? Experimente a creatina. Quando os levantadores de peso suplementam com creatina, seus níveis de fator de crescimento semelhante à insulina 1 podem aumentar em mais de 20%, o que produz efeitos anabólicos como aumento da massa muscular Estudo canadense . Apenas certifique-se de não tomar quantidades excessivas, pois vários efeitos colaterais foram relatados. Três gramas por dia é uma quantidade segura de creatina, de acordo com a Autoridade Europeia para a Segurança dos Alimentos.

3. Barras de proteína e pós

Pergunte a qualquer especialista e ele dir-lhe-á a importância de consumir proteína antes e depois dos treinos para estimular o crescimento muscular. Infelizmente, poucos caras podem programar refeições em torno dos treinos - e é aí que os suplementos de proteína, como pós e barras nutricionais, são úteis. Precisa comer e correr? Esqueça o fast food não saudável e gorduroso e pegue uma barra nutricional que é rica em proteínas de qualidade e gorduras e carboidratos essenciais. Tem um pouco mais de tempo livre? Prepare um batido de proteína.

4. Ácido Linoléico Conjugado

Acha que toda gordura é ruim? Pense de novo. O ácido linoléico conjugado (CLA) possui ácidos graxos ômega, também conhecidos como gordura boa. O CLA pode ajudá-lo a perder gordura e a preservar o tecido muscular, de acordo com pesquisa publicado no Journal of Nutrition. No estudo, 71 participantes que consumiram CLA perderam em média seis libras; Os CLAs tornam você mais inclinado a ganhar músculos, não gordura. Certifique-se de obter ácidos graxos ômega por meio de sua dieta ou suplementos.

5. Glutamina

Todo esse treinamento está fazendo você se sentir esgotado ou até enjoado? Nesse caso, a glutamina pode ajudar a reduzir a inflamação e o risco de infecção, de acordo com pesquisa da Universidade de Trieste, na Itália. A glutamina também pode ajudar a estimular o crescimento muscular, regulando o glicogênio dentro do seu corpo, aumentando assim o desempenho e o crescimento muscular, de acordo com pesquisa conduzida na Universidade de Dundee, na Escócia.

6. Multivitaminas

Você pode ouvir seu corpo falar? Provavelmente não - mas, se pudesse, provavelmente diria que malhar exige muito de você, incluindo a perda de vitaminas de que você precisa para manter a saúde. Infelizmente, pesquisa indica que muitos que treinam duro enquanto tentam desesperadamente manter um peso corporal específico, geralmente têm deficiência de vitaminas. Multivitaminas devem ajudar a remediar essa perda. Comece o seu dia com este suplemento e certifique-se de que toma apenas a quantidade recomendada.

Para ter acesso a vídeos de equipamentos exclusivos, entrevistas com celebridades e muito mais, inscreva-se no YouTube!