Relatório: Jon Jones, estrela do MMA, foi reprovado em um teste de drogas antes do UFC 214

Relatório: Jon Jones, estrela do MMA, foi reprovado em um teste de drogas antes do UFC 214

Renomado UFC a estrela Jon Jones supostamente testou positivo para uma substância proibida.

Menos de um mês após sua paralisação na terceira rodada de Daniel Cormier em UFC 214 em Anaheim, CA, para recuperar a coroa dos meio-pesados, relatórios estão circulando que Jones falhou em um teste de drogas antes da luta.

Relatado pela primeira vez por TMZ e tweetado por Brett Okamoto da ESPN , Jones supostamente testou positivo para o esteróide anabolizante Turinabol. A amostra foi coletada pela Agência Antidoping dos Estados Unidos na noite anterior ao combate, que aconteceu no dia 29 de julho.

O UFC divulgou o seguinte depoimento sobre o incidente:

A organização do UFC foi notificada hoje que a Agência Antidopagem dos EUA (USADA) informou Jon Jones sobre uma potencial violação da Política Antidopagem decorrente de uma amostra em competição coletada após sua pesagem em 28 de julho de 2017.

Embora a notícia possa ser um choque, Jones teve uma carreira turbulenta. Para infratores primários, esta violação justificaria uma suspensão de dois anos pela USADA. No entanto, para Jones - que também falhou em um teste de drogas há pouco mais de um ano no UFC 200 e foi preso por um delito de atropelamento em 2015 - este não é seu primeiro crime. De acordo com Los Angeles Times , é possível que Jones cumprisse o dobro da penalidade padrão, o que o manteria fora do octógono por quatro anos.

Embora seja amplamente considerado como um dos melhores lutadores de artes marciais mistas a competir, o jovem de 30 anos - e seus fãs - devem aceitar a possibilidade de que o UFC 214 possa ser a última luta de sua carreira no UFC por algum tempo.

Esta é uma história em desenvolvimento. Volte para Fitness masculino à medida que continuamos a fornecer atualizações.

Para ter acesso a vídeos de equipamentos exclusivos, entrevistas com celebridades e muito mais, inscreva-se no YouTube!